Wednesday, June 23, 2010

Fatias de meloa com mascarpone

Continuo a explorar o livro Seasons, da Donna Hay (isto está a tornar-se numa obsessão…!). E apesar desta receita vir no capítulo das sobremesas de primavera, eu acho que é mais um pequeno-almoço de verão. O tipo de receita a fazer num brunch: fatias de meloa sumarenta, intercaladas com um creme à base de iogurte e polvilhadas com frutos secos e mel! Estou totalmente rendida à combinação!

A receita original leva dois tipos de meloa, a verde e a laranja, iogurte natural aromatizado com água de rosas e pistáchios. Eu fiz algumas alterações, não que ache que a receita fique melhor da maneira como a fiz mas porque tento sempre que possível adaptar as receitas ao que já tenho em casa. Assim sendo, juntei ao iogurte açucarado que tinha em casa um pouco de mascarpone e umas gotas de essência de baunilha e utilizei nozes em vez de pistáchios. O mascarpone torna tudo mais rico e cremoso, a baunilha e as nozes são mais consensuais do que a água de rosas e os pistáchios. Mas quem sabe se com um toque de canela e umas amêndoas torradas, não fica tudo bom na mesma?! Nada como experimentar!


Fatias de meloa com mascarpone (para 1 pessoa)

4 ou 5 fatias finas de meloa verde, sem sementes nem casca
4 ou 5 fatias finas de meloa laranja, sem sementes nem casca
2 c.sopa de queijo mascarpone
1 c.sopa de iogurte natural açucarado
Umas gotas de essência de baunilha
1 c.sopa de mel + mel para servir
4 ou 5 nozes picadas

Numa tigela misture o mascarpone, o iogurte e a baunilha. Noutra, misture as nozes picadas e o mel, ligeiramente aquecido. Num prato de servir disponha as fatias de meloa intercaladas com o creme de mascarpone e iogurte. Deite as nozes por cima e se desejar, mais um pouco de mel.


Pin It Now!

Tuesday, June 22, 2010

Garlic Chicken

Podia nem sequer ter uma receita de tão simples que é. Mas na realidade é do livro Seasons da Donna Hay - estou assumidamente em fase de exploração do livro!

Garlic Chicken

1 peito de frango (aprox. 200g), sem pele
azeite para pincelar
3 dentes de alho, esmagados
1 c.sopa de sal marinho
salsa picada, sumo de limão e um quarto de limão para servir
Pincele o peito de frango com azeite e grelhe num grelhador bem quente durante 2-3 minutos de cada lado, ou até estar bem cozinhado. Retire do lume. Junte o alho, o sal, a salsa e o sumo de limão e deite sobre o peito de frango. Sirva com um quarto de limão.
Pin It Now!

Monday, June 21, 2010

Clafoutis de morangos e mirtilos


A última vez que tinha feito clafoutis foi há anos atrás. Fiz com a minha tia I. e seguimos a receita tradicional, com cerejas. Lembro-me que não era o meu tipo de sobremesa, nessa altura era mais gulosa e queria era coisas bem doces e mais consistentes. Depois de tanto ver a Bea da La Tartine Gourmande a fazer clafoutis de tudo e mais alguma coisa, e de outros blogs também o fazerem, achei que estava na altura de experimentar outra vez.


Só não estava à espera de experimentar para o jantar para o qual fui convidada no domingo passado. Principalmente porque tinha a “pressão” de levar a sobremesa que iria “provar” que eu até sei cozinhar! Dada esta tarefa, eu tinha mais era que fazer algo com o qual me sentia totalmente à vontade, tipo uma tarte. Mas os planos para a tarte não correram muito bem e quando, a poucas horas do jantar, reparei que não tinha farinha suficiente para a base nem vontade suficiente para ir de novo ao supermercado, decidi que ia arriscar fazer um clafoutis.

Depois de pesquisar algumas receitas, decidi seguir a que vem no livro Seasons da Donna Hay, fazendo apenas uns ajustes na fruta e na essência de baunilha. A receita é rápida de se fazer e acho que completou bem o belíssimo jantar que tivemos: gaspacho, panquecas de batata com salmão fumado e paelha.

E, além de ter feito novos amigos, ainda recebi um “empurrãzinho” para uma coisa que ando há imenso tempo para fazer: aprender a dançar o tango!


Clafoutis de morangos e mirtilos

4 ovos
1/3 chávena de açúcar
1 1/3 chávena de natas
1/2 c. chá de essência de baunilha
1/4 chávena de farinha sem fermento
150gr de mirtilos
500gr de morangos, sem pé e cortados ao meio
Açúcar em pó para polvilhar antes de servir

Pré-aqueça o forno a 160ºC. Numa tigela bata os ovos com o açúcar, as natas e a baunilha. Junte a farinha peneirada e mexa bem até estar toda incorporada. Num pirex untado com um pouco de manteiga, disponha os morangos e os mirtilos e deite a mistura de ovos por cima. Leve ao forno durante 1 h ou até estar firme e dourado. Polvilhe com açúcar em pó antes de servir.

Pin It Now!

Sunday, June 20, 2010

Mini férias nº2


Desta vez no Gerês – percorri o país de norte a sul numa semana! O N. fazia anos e decidiu combinar um fim-de-semana no Gerês com uns amigos. Ficámos numa casa maravilhosa, com uma vista soberba sobre a albufeira da Caniçada. Como tínhamos gostado tanto de fazer canyoning no ano passado na Peneda, o N. acho por bem organizar outra descida de rio, desta vez no Parque do Gerês. A descida foi um bocadinho mais difícil e a água estava muito mais fria mas a vista é muito mais bonita e rica. Não sei se já experimentaram, mas é uma actividade divertida para fazer com um grupo de amigos e se gostam de desportos de aventura/ar livre é sem dúvida perfeita. À medida que íamos saltitando de pedra em pedra, o instrutor tirava algumas fotografias, e eu não resisto em mostrar-vos estas duas, primeiro para verem as cascatas espectaculares que descemos segundo para vos dizer que apesar de me estar a rir, algo que faço sempre que me apontam uma máquina fotográfica, mesmo que seja para tirar fotografias de passe para o BI, na realidade não estava a achar muita piada e estava a morrer de medo de descer aquilo, de escorregar, de ser levada pela cascata, enfim, de uma série de tragédias que iam passando pela minha cabeça.


No final, claro que correu tudo bem e não há nada como, depois de uma actividade fisicamente exigente, parar para uma bela refeição. Foi o que fizemos durante o resto do fim-de-semana: comer, comer, comer. Desde costeletas de carne Barrosã, a bacalhau assado com batatas a murro, a cabrito assado, veado estufado, até porco preto se comeu, não deve ter faltado muitos tipos de carne a comer neste fim-de-semana!

Hoje não há receita mas fica a sugestão de comerem umas cerejas!



Nota 1: com tanta agitação entre trabalho e mini-férias não tenho respondido aos vossos comentários como deve ser, mas desde já agradeço as vossas palavras, adoro ler o que vocês escrevem por aqui e mesmo que não escrevam nada, gosto de saber (através do statcounter ;)) que continuam a passar por cá, mesmo sem eu estar a publicar posts com muita frequência!

Nota 2: Carla, para responder à sua pergunta relativa ao Golden Syrup, é uma espécie de melaço mais claro, mas nesta receita pode substituir por xarope de Agave (sabor suave) ou mel (sabor mais activo).

Pin It Now!

Thursday, June 10, 2010

Mini férias nº1


Eu e o meu pai temos o hábito de passar todos os anos pelo menos umas mini férias juntos. Durante muitos anos eu só ia de férias para a neve com o meu pai, nem que fossemos só os dois num fim-de-semana comprido.

Desde há uns anos para cá, substituímos a neve por um fim-de-semana no Algarve, mais especificamente no barco dele. Mas deixem-me explicar que isto do barco é mais uma necessidade fisiológica do que outra coisa. Quem conhece bem o meu pai sabe que ele odeia, detesta, não suporta… areia. Aliás, há quem já me tenha contado que o meu pai chegou a ir de meias para a praia (inclusive tomar banho) só para não sentir a areia nos pés! Ora, perante ter que desistir da época balnear ou passear na praia numa linda figura, de calções de banho e meias, acho que ele sem dúvida tomou a decisão acertada ao comprar um barco. Os amigos dele também acham o mesmo!


O fim-de-semana foi maravilhoso: muitos banhos de sol e de mar, comidinhas saudáveis, sestas ao sabor das ondas, enfim, tudo o que precisava para recuperar dos dias de trabalho intenso que tinha tido na semana passada.

No sábado à noite fomos jantar ao restaurante do Chef Henrique Leis, onde me inspirei para esta salada
.


Salada de batata, salmão fumado e abacate

3 ou 4 batatas novas médias
100gr de salmão fumado
1 abacate médio
Maionese, mostarda, sumo de limão, sal e pimenta

Encha um tacho com água fria e coza as batatas com casca em lume brando. Retire do lume, deixe arrefecer e retire a pele. Corte as batatas e o abacate aos cubos. Junte o salmão também cortado aos pedacinhos. Junte maionese, mostarda, sumo de limão, sal e pimenta a gosto e misture bem. Sirva com umas folhas verdes temperadas com azeite e vinagre.
Pin It Now!

Thursday, June 03, 2010

Gelado de morango e iogurte


São 6h da manhã, e depois de horas e horas a trabalhar (hoje ainda não dormi e o fim de semana nem sequer existiu...) consegui cumprir com o meu deadline e posso finalmente ir de mini férias! Não sem antes deixar uma receita para os próximos dias quentes e que ando há dias para partilhar convosco.


Gelado de morango e iogurte

500gr morangos, sem pé
1/3 chávena de açúcar mascavado
1 c.sopa de vodka
3 c.sopa de xarope de agave
Sumo de meio limão
125 gr de iogurte natural

Corte os morangos ao meio e coloque-os numa tigela com o açúcar e o vodka. Deixe macerar durante 1h. Reduza os morangos a puré no food processor, no copo ou com uma varinha mágica. Coloque no frigorífico de um dia para o outro. Junte o limão, o agave e o iogurte e coloque tudo na máquina de fazer gelados.

Nota: pode ajustar tanto o açúcar como o xarope de agave consoante a doçura dos morangos; se ficar muito doce, adicione mais umas gotas de limão.
Pin It Now!